5 RAZÕES PELAS QUAIS AS PESSOAS NÃO PERDOAM

Eu já travei uma trabalha de libertação, cura interior comigo mesma durante uns 6 anos. Eu primeiramente presiva amadurece como mulher, amadurecer minha mente. Vários anos fiquei presa nas minhas próprias emoções, e quanto mais eu alimentava esses sentimentos de ódio, raiva, rancor, minha alma adoecia cada vez mais ao ponto de chegar na minha carne, sentir meus ossos doloridos como se fossem quebrar em pedaços. Tudo mexiam com meus sentimentos, emoções e traumas, por muitos anos fiquei presa, travanda, bloqueada, nas minhas razões. 
Até que resolvi gritar por socorro, pedir ajuda, e me render verdadeiramente ao Senhor para ser tratada, curada e livre.

Minha vida era questionar porque eu não era feliz. Há dois anos eu me conventir numa conferência de mulheres, porém eu não congregava em nenhuma religião, eu não queria viver em comunhão entre irmãos pelo fato de ter sido machucada no passado. Foi então que no dia 7 de setembro de 2022, estava marcado o ano da minha verdadeira história, onde eu me permiti ser tratada pelo Espírito Santo de Deus. 18 de setembro passei a congregar no Ministério Apóstolico Santidade em Cristo , demorou muito para mim perdoar todas as coisas dolorosas que haviam sido feitas a mim. Perdoar os outros traz muitos benefícios pessoais e, no fundo, a maioria de nós acreditamos que é a coisa certa a fazer. Então, o que nos impede de fazer isso? Por que não perdoamos? Aqui estão 5 razões pelas quais as pessoas não perdoam.

1. Eles não sabem como.

Primeiro, existem muitos mitos sobre o perdão. Muita gente acha que perdoar alguém significa dizer que o que aconteceu está justificado e esquecido. Muitos também acreditam que isso significa que a pessoa deve admitir o erro, a confiança é restaurada, deve haver reconciliação ou o ofensor é liberado das consequências de suas ações. Que tudo pode fazer parte do perdão, mas não precisa ser. O perdão é simplesmente desistir do seu direito de condenar e entregá-lo a Deus para julgar e administrar a justiça. E isso pode parecer diferente do que você deseja. Perdoar é abrir mão da má vontade e fazer as pazes. Em segundo lugar, não é tangível. Como você sabe que perdoou alguém? Há um mistério em como isso realmente funciona. Na minha opinião, é algo que precisa de uma obra divina.

2. Eles precisam abandonar a amargura.

Segurar a raiva e a amargura de alguma forma parece justiça. É o que as pessoas que nos machucam merecem, nossa ira. De alguma forma, nos convencemos de que nossa amargura os mantém no anzol. A amargura é difícil de abandonar porque é um cobertor de segurança que fornece um falso conforto e uma distração de nossa dor. O perdão significa abrir mão da amargura e deixar nossas feridas expostas para finalmente serem tratadas. É doloroso, mas a menos que nossas feridas sejam confrontadas, nunca experimentaremos a cura e a liberdade.

“A amargura é difícil de abandonar porque é um cobertor de segurança que fornece um falso conforto e uma distração de nossa dor.”

___________🐦_________

3. Eles têm que dar a alguém que não merece.

Queremos que as pessoas tenham o que merecem, especialmente quando nos machucam. O problema é que ninguém merece perdão. Eles merecem receber o que deram. O perdão significa que eles estão liberados da vingança que queremos administrar. Mais uma vez, estamos abrindo mão do nosso direito à justiça.

4. Eles precisam abrir mão da justiça própria.

Nós estamos certos e eles estão errados. Eles são os bandidos e nós somos os heróis. Isso é o que é bom. É fácil colocar alguém que te machuca na categoria de pessoa má. Isso torna a vida muito mais simples, mas não é tão simples assim. A pessoa pode ser errada, abusiva, cruel, manipuladora, controladora, mentirosa ou valentona. No entanto, o perdão nos leva a considerar o que os levou a ser assim. Que dor e abusos foram perpetuados sobre eles? Isso não desculpa o comportamento deles, mas dá uma ideia. O perdão também nos desafia a pensar sobre a dor que infligimos aos outros e nossa necessidade de receber perdão.

5. É um ato de coração cheio.

Finalmente, o perdão é um ato que vem de uma posição de força, uma força que muitas pessoas não têm. Requer bravura resiliente, amor, fé, empatia, abertura e vulnerabilidade. A renomada psicológica e pastora Erika Leite , fala sobre a Saúde Emocional de Uma Mulher de Deus. Muitas mulheres estão muito feridas e enfraquecidas por suas feridas para perdoar. Mas dar passos em direção ao perdão inicia um processo de viver a vida a partir de uma posição de força e não de fraqueza.


Comentários

Postagens mais visitadas